Mesmo após exame, Vilma reafirma que Roberta é sua filha

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 13 de fevereiro de 2003 as 12:26, por: cdb

Apesar da divulgação, ontem, do resultado do exame de DNA, Vilma Martins Borges, 47, não admitiu que Roberta Jamilly Martins Borges, 23, não seja sua filha biológica.

“Ela sempre disse que era a mãe verdadeira da Roberta e continuou afirmando isso hoje [ontem]”, disse o advogado da empresária, Max Leão.

Leão afirmou não ter sido informado oficialmente sobre os procedimentos adotados para a realização do exame e não descarta a possibilidade de pedir a anulação do teste.

“Estou aguardando o resultado para poder me pronunciar e dizer quais serão os próximos passos do inquérito. Acho que o Brasil não sabia que se podia fazer DNA com bituca de cigarro. Não sei até que ponto é válido, mas vou esperar e conversar com o delegado antes de tomar qualquer providência”, disse o advogado.

Vilma não foi localizada para comentar o resultado do exame. De acordo com uma faxineira que trabalha na casa dela, a empresária passou mal depois de ser avisada sobre o teste.

Vilma teria sido sedada para controlar uma crise nervosa e estaria na companhia dos filhos, inclusive de Roberta. Mesmo com a confirmação do exame, a faxineira disse que a jovem estava “tranquila”. “Ela saiu daqui rindo e está cuidando da dona Vilma.”

“Ela [Vilma] foi internada hoje [ontem] de manhã com pressão alta, depois que ficou sabendo que a polícia havia feito o DNA”, disse uma irmã da empresária, que também estava na casa e se identificou apenas como Maria. O nome do hospital para onde Vilma teria sido levada não foi informado.