Meningite mata menina em Guaramirim

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 26 de setembro de 2002 as 00:10, por: cdb

A morte de uma criança de 10 anos, vítima de meningite meningocócica, em Guaramirim, na madrugada de terça-feira, dia 24, aumentou o alerta na cidade e reforçou as ações de orientação e combate à doença.

Este é o sexto caso de meningite registrado este ano em Guaramirim e o primeiro óbito, informou a enfermeira sanitarista da Secretaria de Saúde do município, Ivone Luz. Ela assegura que os registros estão de acordo com estatísticas de anos anteriores e não configuram surto.

A menina apresentou os primeiros sintomas no sábado, dia 21, mas não eram específicos da meningite – tinha diarréia e náuseas, que não são características da doença. Ela ficou em observação no hospital e teve alta na manhã de domingo. De acordo com a enfermeira, 10 horas depois, no domingo à noite, retornou ao hospital, já com os sintomas da meningite mais evidentes, como a rigidez na nuca. A criança foi levada para a Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Jaraguá, em Jaraguá do Sul, onde morreu aproximadamente 24 horas depois.

A garota morava e estudava na localidade da Caixa D’Água, na periferia do município. Os pais e irmãos da menina receberam medicação preventiva. Seus colegas foram orientados a manterem os ambientes da escola e das casas bem arejados e a procurar ajuda médica assim que aparecer algum sintoma (febre, dor de cabeça e pelo corpo, vômito ou rigidez na nuca).