Médicos de SP estendem boicoite aos planos de sáude

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 10 de setembro de 2004 as 01:12, por: cdb

Os médicos de São Paulo ameaçaram estender o boicote aos planos de saúde a oito empresas de mdicina do grupo, que atendem a três milhões de pessoas e pagam menos de R$ 20 por consulta. Os profissinais tomaram a decisão reunidos em assembléia na noite desta quinta-feira.

As empresas têm uma semana para negociar com os médicos. Caso contrário, eles vão deixar de atender aos pacientes. O conveniado vai sair perdendo porque a maioria dos contratos de medicina de grupo não prevê o reembolso do valor das consultas.

Já o boicote à Sul América Seguradora foi suspenso temporariamente porque a empresa apresentou uma proposta de elevar o valor da consulta de R$ 25 para R$ 34.