Marvel Enterprises processa Sony por acordo sobre Homem-Aranha

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 26 de fevereiro de 2003 as 16:19, por: cdb

A editora de histórias em quadrinhos Marvel Enterprises anunciou na terça-feira que a unidade que licencia seu elenco lendário de personagens abriu processo na justiça contra o acordo de licenciamento do Homem-Aranha com a Sony Pictures Entertainment.

A Marvel, cujos 4.700 personagens de quadrinhos são licenciados para promover lanches, roupas e entretenimento, disse que registrou uma queixa junto à Corte Superior da Califórnia para proteger seus direitos de propriedade intelectual.

Um press release divulgado pela empresa não especificou contra quem foi aberto o processo, mas disse que a Marvel tem o acordo de licenciamento com a Sony Pictures Entertainment e a SPE Spider-Man GP Inc.

“Homem-Aranha”, o filme de maior bilheteria de 2002, teve papel grande no sucesso recente da Sony Pictures, e uma sequência do filme já está sendo preparada.

“Homem-Aranha” é baseado num personagem da Marvel criado pelo artista Stan Lee, que no ano passado moveu uma ação na justiça contra a Marvel, pedindo uma parte maior dos lucros do sucesso comercial de seus personagens, entre os quais também figuram o “Demolidor”, os X-Men e o “Incrível Hulk”.

Há pouco tempo a Marvel elevou sua previsão de receita para o ano, com base no sucesso estrondoso do primeiro filme “Homem-Aranha”.

A empresa não prevê que processo tenha um impacto material negativo sobre seus resultados financeiros ou sua orientação para este ano e o futuro.

A Marvel disse que o processo “não é uma tentativa de impedir a produção do ‘Homem-Aranha’ que tem lançamento previsto para maio de 2004”, nem de afetar qualquer acordo de merchandising relacionado ao filme.

Ela disse que suas operações podem ser beneficiadas se o processo for resolvido de maneira satisfatória, mas não deu maiores informações.