Marinor Brito questiona decisão do Senado de alugar nova frota de automóveis 

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 2 de junho de 2011 as 17:26, por: cdb

A senadora Marinor Brito (PSOL-PA) questionou, em discurso nesta quinta-feira (2), o 1º secretário do Senado, Cícero Lucena (PSDB-PB), a respeito dos estudos que teriam embasado a sugestão de terceirização da frota de automóveis dos senadores, como diz o Boletim Administrativo de Pessoal (BAP) da última quarta-feira (1º). A parlamentar disse desconhecer tais documentos e pediu que sejam divulgados aos demais parlamentares.

Pelo texto publicado, tais estudos indicam que, “com a locação de veículos para o atendimento aos senadores, a alternativa apresenta uma redução da ordem de R$ 6 milhões no ano”. O BAP diz ainda que a Comissão Diretora autorizou a 1ª Secretaria a adotar os procedimentos administrativos necessários para a implantação da solução.

Marinor Brito listou questionamentos ao 1º secretário. Ela que saber em que fontes ele se baseou para chegar a esse valor; quais empresas foram consultadas para efetivar a terceirização; se essas empresas têm alguma vinculação com senadores; e, principalmente, qual será o destino dos trabalhadores do setor. Na opinião da parlamentar, o Senado deveria evitar esse “vexame”, pois os parlamentares não precisam “pagar um mico como esse”.

– Estou solidária também aos trabalhadores do transporte, que não querem perder seus empregos e deixar suas famílias passando dificuldade – disse a parlamentar, referindo-se aos motoristas que hoje servem aos senadores.

Da Redação / Agência Senado