Marinha resiste à inspeção nuclear

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 31 de dezembro de 2003 as 09:21, por: cdb

A Marinha informou nesta terça-feira, via Ministério da Defesa, à Casa Civil e ao Ministério da Ciência e Tecnologia que é contra às inspeções da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA).

O governo brasileiro está impondo condições às inspeções da AIEA por recomendação da Marinha. A posição do governo brasileiro não é contra as inspeções em si, mas contra a assinatura de um protocolo adicional que vai ampliar ainda mais os poderes de averiguação da agência.

O comando da Marinha é responsável pelo desenvolvimento dos equipamentos brasileiros de enriquecimento de urânio. Junto com as agências brasileiras do setor, a Marinha advertiu o Palácio do Planalto sobre um possível desejo de apropriação da tecnologia de ponta desenvolvida pelo Brasil.

O Ministério das Relações Exteriores está preparando uma proposta alternativa ao protocolo adicional proposto pela AIEA.