Marcos esnoba a Seleção

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 20 de novembro de 2001 as 04:46, por: cdb

O goleiro da Seleção e do Palmeiras, Marcos, menosprezou a Seleção Brasileira. Ele está irritado com as cobranças depois de ter falhado contra a Bolívia e pelas derrotas do Palmeiras.
Marcos não se conteve e soltou o verbo: “Basta eu cometer qualquer erro para todo mundo cair matando em cima”, “Vivi vinte e seis anos longe da Seleção Brasileira e nunca passei fome. Se o Felipão (técnico da Seleção ) não quiser me chamar mais, não tem problema”, completou.
Ele acha que a imprensa está fazendo lobby para que o goleiro do São Paulo, Rogério Ceni, seja titular do Brasil e que não agüenta mais ser acusado de ter afundado o time.
E Marcos não parou de reclamar: “O melhor no momento é sempre o goleiro que não está lá (na Seleção). Agora querem o Rogério, não entendo o que acontece”. E finalizou dizendo: “Às vezes se paga um preço muito caro para jogar na Seleção. Caso continue assim, não faço mais questão de ajudar o Brasil”
O recado está dado.