Marco Feliciano é acusado de tentativa de estupro e agressão

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 3 de agosto de 2016 as 11:57, por: cdb

A vítima de Marco Feliciano é uma jovem de 22 anos que, segundo a imprensa, está isolada

Por Redação, com Agências de Notícias – de Brasília:

O deputado federal Marco Feliciano (PSC-SP) foi acusado de tentativa de estupro e agressão grave por uma jovem de 22 anos. A moça, que é militante do PSC, frequenta a mesma igreja que o pastor, que teria proposto ser seu guia espiritual. O fato aconteceu no dia 15 de julho.

Marco Feliciano
Marco Feliciano foi acusado de ter agredido uma jovem de 21 anos que não aceitou ser sua amante

De acordo com a imprensa, a jovem contou que Feliciano fez uma proposta para que a moça se tornasse sua amante, com alto salário e cargo comissionado no PSC. A moça negou e o pastor a agrediu com um soco e tentou puxá-la pelo braço para a suíte dele. A jovem disse que começou a gritar até que uma vizinha tocou a campainha para saber o que estava acontecendo. O deputado ainda tentou apagar as mensagens trocadas com a mulher pelo WhatsApp.

Segundo o colunista Leandro Mazzini, funcionários do PSC confirmaram que o número era mesmo o usado pelo pastor-deputado, que trocou de telefone após o episódio. Ainda de acordo com Mazzini, a jovem agredida pelo deputado Marco Feliciano buscou ajuda com importantes nomes do partido, que a mandaram “sumir”. O colunista informou que ela desfez o perfil nas redes sociais e saiu de Brasília.

Comments are closed.