Maradona pede desculpas aos ingleses

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 31 de janeiro de 2008 as 13:12, por: cdb

Diego Maradona se desculpou nesta quinta-feira, em uma entrevista ao jornal The Sun, por sua famosa “mão de Deus” nas quartas-de-final da Copa do Mundo de 1986, que custou à Inglaterra sua eliminação.

O argentino Maradona, que marcou os gols na vitória de 2-1 ante a seleção inglesa há mais de 20 anos, disse que, se pudesse voltar atrás e mudar a história, o faria.

O primeiro gol de Maradona na partida pelas quartas-de-final do México-86 foi considerado pelo juiz da partida como uma cabeçada, mas as repetições da imagem confirmaram que o argentino tocou a bola com a mão.

– Se pudesse me desculpar e mudar a história, eu o faria. Mas o gol continua sendo gol. A Argentina se proclamou campeã do mundo e eu fui o melhor jogador do mundial. Não posso mudar a história. A única coisa que posso fazer é seguir adiante, declarou.

A cólera da Inglaterra por causa do lance de Maradona aumentou quando o jogador, logo depois da partida, disse que seu primeiro gol foi obra da “mão de Deus”.

Maradona disse que está procurando trabalho na Inglaterra, mas que ainda não falou com nenhum clube.