Manifestantes protestam contra violência policial nos EUA

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 30 de abril de 2015 as 11:30, por: cdb
Policiais na Avenida Pennsylvania, em Baltimore, durante protesto
Policiais na Avenida Pennsylvania, em Baltimore, durante protesto

 

Manifestantes marcharam contra a violência policial nos Estados Unidos em cidades como Nova York e Denver na quarta-feira, e uma grande manifestação em Baltimore terminou de forma pacífica, dois dias após uma onda de vandalismo por conta da morte de um homem negro que estava sob custódia da polícia.

Os protestos foram as ações mais recentes contra a discriminação racial e o uso de força letal por parte da polícia, iniciadas por conta da morte de homens afroamericanos em Cleveland, Ferguson, Nova York e outros lugares no ano passado.

A polícia da cidade de Nova York prendeu mais de 60 pessoas, à medida que manifestantes andavam sem destino em grupos por Manhattan, bloqueando o tráfego em algumas áreas. Protestos menores aconteceram em Boston, Houston, Ferguson, Washington, Seattle, e diversos manifestantes foram presos em Denver.

Em Baltimore, 3 mil soldados da Guarda Nacional e a polícia se juntaram para aplicar o toque de recolher de 22h, à medida que milhares de pacifistas se juntaram em frente à prefeitura. A marcha concluiu um dia de calma na cidade que viu, dois dias atrás, uma grande manifestação violenta e depredação.

Manifestantes na cidade de Baltimore, majoritariamente negra, pediram respostas sobre o destino de Freddi Gray, de 25 anos, que morreu após sofrer lesões na espinha sob custódia da polícia.

A polícia deve revelar na sexta-feira as informações encontradas sobre a morte do jovem para procuradores, mas informou que nenhuma informação será tornada pública.

Mais de 100 pessoas são presas

As autoridades norte-americanas prenderam mais de 100 pessoas durante protesto, na quarta-feira, contra a violência policial exercida na população afro-americana.

A polícia nova-iorquina acrescentou que as detenções foram por diferentes razões. “Temos mais de 100 pessoas detidas. As razões são variadas, mas na maioria dos casos é por conduta desordeira”, disse um porta-voz da polícia de Nova York.

Milhares de pessoas concentraram-se na quarta-feira à noite em Nova Iorque em protesto contra a morte de Freddie Gray, em Baltimore, no estado de Maryland.

Os manifestantes concentraram-se na praça da União em Manhattan, em resposta aos apelos das redes sociais aos protestos em Baltimore, onde ocorrem manifestações diárias desde a morte de Gray em 19 de abril. As manifestações  também foram feitas em Boston e Washington.

Na segunda-feira, a violência registrada nas manifestações em Baltimore levou as autoridades a impor o toque de recolher obrigatório às 22h, que continua em vigor.