Manifestantes da Contag desmontam acampamento para se unir ao MST

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 21 de novembro de 2003 as 11:20, por: cdb

Manifestantes da Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag) desmontam esta manhã o acampamento em frente ao ministério da Fazenda. Eles vão se unir aos integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) que estão alojados no pavilhão de exposições do Parque da Cidade.

Os 300 integrantes do Contag montaram suas barracas em frente ao ministério da Fazenda na última terça-feira .Na ocasião, o presidente da confederação, Manoel José dos Santos, disse que o objetivo do protesto era forçar o governo a avançar na reforma agrária.

Com os entendimentos sobre o Plano Nacional de Reforma Agrária, os líderes dos acampados da Contag deciram terminar o protesto em frente ao ministério. Segundo a secretária de Políticas Sociais da Contag, Maria de Fátima Rodrigues, o efeito prático dos quatro dias acampados no local foi a concretização do plano. “Claro que não foi o que a gente queria, mas conseguimos avançar bastante”, disse ela. Ela afirmou que “se isso que nós acordamos hoje aqui não sair, em fevereiro nós voltamos”.