Lula repudia ameaças de Garotinho

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 25 de setembro de 2004 as 14:06, por: cdb

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva mandou, por intermédio do ministro da Educação, Tarso Genro, um recado ao secretário de Segurança Pública, Anthony Garotinho, e a todos os demais ministros, contra a discriminação a adversários políticos. As ameaças de Garotinho e da governadora Rosinha Matheus (PMDB) de discriminar municípios onde adversários fossem eleitos foram noticiadas pelo jornal ‘O Globo’ esta semana.- O presidente foi informado de que há um movimento forte feito pelo secretário Garotinho dizendo, de maneira ilegal, que vai discriminar o prefeito eleito por outro grupo político que não o seu. Esta é uma postura inaceitável de uma pessoa que está estabelecendo uma relação profundamente pervertida com a função pública. O agente público não pode discriminar outro agente público em função de sua posição partidária.

Segundo Tarso Genro, o presidente mandou declarar que sua posição é firmemente contrária à de Garotinho e determinou a todos os ministros que tratem de maneira igualitária e respeitosa qualquer prefeito eleito por qualquer partido.

– O governo federal vai cobrir qualquer ausência de convênio que governos estaduais se neguem a fazer por discriminação política – afirmou o ministro.