Lula recebe atletas paraolímpicos

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 27 de novembro de 2003 as 08:59, por: cdb

Os 54 atletas paraolímpicos que estarão representando o país na última competição internacional antes das Olimpíadas de Atenas serão recebidosnesta quinta-feira à tarde pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A delegação brasileira embarcará no próximo dia 1º de dezembro rumo ao Parapanamericano de Mar del Plata, na Argentina. A equipe é formada por um grupo de 93 atletas e outros 93 integrantes, entre técnicos, guias, especialistas, médicos, fisioterapeutas, interpretes, membros da área da comunicação e apoio.

O Parapanamericano será realizado de 3 e 10 de dezembro, e terá a participação de 1.200 atletas de 30 países. O evento será disputado em nove modalidades: atletismo, basquete e tênis em cadeira de rodas, bocha, equitação, esgrima, natação, ciclismo e vôlei paraolímpico. Destes esportes, o Brasil só não estará participando da bocha e do tênis em cadeira de rodas.

Nas Olimpíadas da Austrália, o Brasil foi representado por 64 atletas em nove modalidades esportivas e entrou para a história com o expressivo número de 22 medalhas (seis de ouro, dez de prata e seis de bronze) e a conquista do reconhecimento da sociedade. Depois da Paraolimpíada de 2000, o crescimento do esporte tem sido surpreendente. Segundo informações da Confederação Paraolímpicas Brasileira, a criação da lei 10.264/01, conhecida como Lei Agnelo/ Piva, que repassa recursos financeiros, oriundos das loterias da Caixa Eonômica Federal, o Brasil vem estruturando e qualificando o esporte paraolímpico.

As expectativas são de que os números de atletas brasileiros e modalidades sejam superados em 2004. O país já garantiu sua participação em natação, atletismo, judô, futebol-7 PC (paralisados cerebrais), ciclismo, goalball feminino (esporte específico para cegos). E tem plenas chances de classificar nesta próxima competição o basquete em cadeira de rodas, o adestramento paraolímpico, o halterofilismo, o vôlei paraolímpico e a esgrima. Além de poder aumentar também as vagas nas modalidades restantes.

Participarão entre outros do encontro dos atletas com o presidente Lula, marcado para às 15h no Palácio do Planalto, o ministro dos Esportes, Agnelo Queiroz; o presidente do Comitê Paraolímpico Brasileiro (CPB), Vital Severino Neto, e o presidente da Caixa Econômica Federal, Jorge Mattoso.