Lula joga pelada na Granja do Torto

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 16 de novembro de 2002 as 20:03, por: cdb

O presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva, jogou futebol no fim da tarde deste sábado com os filhos, o neto e amigos, na Granja do Torto, uma das residências oficias da Presidência da República, onde está hospedado desde sexta-feira com a família. De bermuda clara, camiseta azul sem mangas, tênis e sem meia, Lula aproveitou o sol do fim da tarde e participou de uma tradicional “pelada” familiar.

Além do neto, quem mais correu em campo foi o deputado federal eleito Sigmaringa Seixas (PT-DF), amigo de Lula de longa data, que esteve na Granja do Torto na sexta-feira à noite e hoje voltou para jogar bola. Estavam em campo oito pessoas: Lula, os quatro filhos, o neto, Sigmaringa e um rapaz que chegou com o deputado. Eles jogaram futebol em um campo de proporções semelhantes ao do “futebol-society”, com grama natural, nos jardins da Granja do Torto. O campo fica ao lado do heliporto.

Durante o dia, vários moradores de Brasília foram até a entrada principal da Granja na esperança de ver o presidente eleito. Lula atraiu desde famílias inteiras e casais com filhos, até motoqueiros, como Agnelo Paes Landim Neto, que estava em Brasília para participar de um evento num motoclube da cidade. “Vim falar com o Lula”, disse ele aos seguranças que vigiavam o portão. Landim não pôde entrar. Foi convidado a deixar o portão principal e se dirigir ao estacionamento, onde estavam os veículos da imprensa e dos demais curiosos.

Lula permaneceu recluso o dia todo e só foi visto no fim da tarde jogando futebol. A “pelada” pôde ser vista e fotografada de uma cerca lateral, a aproximadamente 500 metros do campo. Vizinhos e curiosos também testemunharam as habilidades futebolísticas do presidente eleito. Lula, de 57 anos, caminhou em campo a maior parte do tempo. Quando pegava a bola, só recebia marcação firme, mesmo, de seu neto. O jogo durou cerca de 60 minutos e acabou às 19h.

Quem também tentou ver Lula foi o estudante mineiro Diogo de Andrade, de 10 anos. Apaixonado por política, Diogo aproveitou a vinda a Brasília para conhecer a Granja do Torto e o Palácio da Alvorada, a outra residência oficial da presidência, onde mora o presidente Fernando Henrique Cardoso. Diogo disse desejar boa sorte a Lula.