Lucro da Volks até setembro cai pela metade

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 29 de outubro de 2003 as 14:05, por: cdb

A Volkswagen, maior montadora da Europa, anunciou na quarta-feira que seu lucro caiu 53% de janeiro a setembro devido à baixa demanda, euro mais forte e reestruturação na subsidiária brasileira.

A empresa afirmou que seu lucro operacional anual deverá ser aproximadamente metade dos 4,76 bilhões de euros do ano passado, em parte devido a suas despesas diretas.

O lucro operacional caiu para 1,73 bilhão de euros (US$ 2,03 bilhões) até setembro, contra os 3,71 bilhões de euros em igual período do ano passado.

No terceiro trimestre o lucro operacional foi de 510 milhões de euros, queda de 57% na comparação com o resultado obtido entre julho e setembro de 2002.

Além de sofrer com estagnação da demanda por carros junto com toda a indústria mundial, a Volks também foi atingida neste ano pelos custos de lançamento de novos modelos (inclusive o Golf V), taxas de câmbio desfavoráveis e problemas com suas operações no Brasil.

A Volks confirmou que assumiu provisão de 120 milhões de euros com a reestruturação de sua unidade no Brasil, que está sofrendo o corte de aproximadamente 4.000 empregos em meio à pior retração no mercado brasileiro de carros na última década.

A gigante alemã perdeu recentemente seu título de maior vendedora de carros do Brasil para a General Motors, mas espera recuperar seu posto com o novo carro compacto “Fox”, lançado neste mês.

A expectativa média de analistas era que a Volks divulgasse lucro operacional de 1,78 bilhão de euros nos primeiros nove meses do ano.