Londres está mais exposto a atentados do que Nova York ou Washington

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 11 de novembro de 2003 as 02:26, por: cdb

A cidade de Londres está mais exposta a atentados de extremistas islâmicos do que Nova York ou Washington, revela um estudo publicado nesta terça-feira na capital britânica por uma consultoria especializada em avaliação de risco para empresas.

O compromisso do primeiro-ministro Tony Blair com os Estados Unidos na guerra do Iraque e a importante população muçulmana que vive na Grã-Bretanha criaram uma ‘séria possibilidade’ de atentado suicida em Londres, diz o relatório final do Control Risk Group.

– Londres se tornou o principal alvo terrorista da Europa ocidental – explica Jake Stratton, diretor do estudo da consultoria, que avalia os problemas de segurança em 195 países.

– Em 2003, a Grã-Bretanha reforçou, aos olhos do mundo islâmico, sua posição de maior aliado dos Estados Unidos –  explica.
 
Deste modo, a classificação do risco de um atentado em Londres passou de ‘escasso’ para ‘médio’ com relação ao último ano, mas continua sendo ‘escasso’ no resto da Europa ocidental e nos Estados Unidos.