Linux fez 20 anos

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 26 de agosto de 2011 as 12:34, por: cdb

Sistema operativo de software livre começou a ser criado em 1991 pelo finlandês Linus Torvalds. Hoje é um sistema amadurecido, fácil de usar, totalmente livre e quase totalmente gratuito. Artigo |26 Agosto, 2011 – 19:10Linus Torvalds: tudo começou como um ‘hobby’

O Linux, o sistema operativo de código aberto e que é desenvolvido por milhares de programadores em todo o mundo, fez 20 anos esta quinta-feira. Nestes 20 anos, passou de um hobby modesto de um jovem programador finlandês a um sistema maduro – apesar de ser gratuito – que toda a gente já usou de alguma forma, mesmo sem saber.

Mas vamos à história. Em 25 de Agosto de 1991, o finlandês Linus Torvalds, na época com 22 anos, enviou um mail para um grupo de discussão na Internet, o comp.os.minix, que dizia: “Estou a fazer um sistema operativo livre (apenas um hobby, não será grande e profissional como o gnu) para clones AT 386 (486). Estou a trabalhar nisto isto desde Abril, e está a começar a ficar pronto. Gostaria de ter feedback sobre coisas que as pessoas gostam/não gostam no minix, já que o meu OS lembra este um pouco”.

O Minix era um sistema operativo para fins educativos baseado no Unix (o sistema que funcionava em grandes mainframes) daí o nome, derivado de mini-Unix.

Curiosamente, Linus queria chamar ao seu sistema Freax, nome derivado de freak, free, e com o X do Unix. Mas um colega do programador, que não gostava do nome (e era administrador do server) criou uma directoria com o nome “linux”, e foi este nome que acabou por pegar.

Ainda bem – Linus Torvalds pode ser um fantástico programador, mas definitivamente não tinha qualquer noção de marketing.

Quem usa? Mais gente do que se pensa

Quem usa hoje Linux? Nos computadores pessoais, é ainda um sistema totalmente minoritário, usado em apenas nuns 3% das máquinas. Mesmo assim, a verdade é que se tornou num sistema amadurecido, em muitas coisas mais fácil de usar que o Windows, muito mais seguro e estável, e que se instala em dez minutos. Tem milhares de aplicações que são, na sua esmagadora maioria, grátis.

Mas é noutras áreas que o Linux é maioritário. Mais de 70% dos servers da web, que alojam os sites do mundo (como o Esquerda.net), usam Linux. Nos supercomputadores, as máquinas mais rápidas do mundo, o Linux é ainda mais esmagador: 91% usam este sistema.

Não deve existir um cibernauta que não tenha feito uma busca no Google. Pois bem, se o fez, usou Linux, já que o Google usa este sistema nos seus servers. Usa o Facebook ou o Twitter? Eles usam Linux, assim como a Amazon, só para dar alguns exemplos.

E nos dispositivos móveis, quem domina? Não, não é o IOS do Iphone, muito menos o Windows Mobile. É o Android, que se baseia no kernel (o núcleo do sistema operativo) do Linux.

Nada mau para apenas 20 anos de um sistema que tem como filosofia a liberdade e a colaboração entre milhares de programadores de todo o mundo.

Ficou curioso e quer experimentar? Pois saiba que o pode testar no seu portátil ou desktop sem instalar nada, rodando-o a partir de um simples CD ou de uma pen.

Sugerimos estas distribuições: Linux Mint (que usa o autor deste artigo) e Ubuntu.

Saiba mais sobre o que é o software livre aqui.

Acompanhe aqui as comemorações dos 20 anos.

Artigos relacionados: Utilização de software livre permite redução imediata da despesa Estado esbanja dinheiro em licenças Microsoft

Comments are closed.