Líder das Farc é capturado no Equador

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 3 de janeiro de 2004 as 14:39, por: cdb

As autoridades colombianas anunciaram neste sábado a captura, no Equador, perto da fronteira com o país, do chefe guerrilheiro Juvenal Ovidio Ricardo Palmera Pineda, conhecido como “Simón Trinidad”, um dos líderes das Farc.

Segundo emissoras de rádio locais, que citam fontes do Exército e da Polícia, depois da prisão foram realizados testes para estabelecer se realmente se tratava do chefe guerrilheiro, um dos quinze membros do comando das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).

Palmera, junto a Raúl Reyes, Joaquín Gómez e Carlos Antonio Losada, também membros do comando das Farc, foram os porta-vozes da organização guerrilheira nas mesa de dialogo com o Governo do presidente Andrés Pastrana (1998-2002), em um processo que terminou sem resultados em fevereiro de 2002.

As Farc são consideradas uma organização de terroristas pelos Estados Unidos, pela União Européia e por vários governos da América Latina.