Líbia: Rússia tenta encontrar solução pacífica

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 27 de julho de 2011 as 17:51, por: cdb

28.07.2011 

A semana passada o Ministro das Relações Exteriores da Líbia, Abdul Ati al-Obeidi, esteve em Moscou para conversas com o seu homólogo na Rússia, Sergei Lavrov. As conversações centravam-se em maneiras de terminar o conflito. Apresentamos um sumário. Qual foi o plano proposto?

 

A parte russa descreve as conversas entre os Ministros das Relações Exteriores da Líbia, Abdul Ati al-Obeidi, e da Rússia, Sergei Lavrov, como “muito intensas”. O plano proposto no início desta semana (ainda a ser reflectido) é o seguinte:

 

1. Primeiro, as duas partes no conflito (o Governo de Muammar al-Qathafi e os “rebeldes” na parte oriental do país) consentiram realizar negociações para terminar o conflito;

 

2. Há indicações que as duas partes consentem em criar uma espécie de governo conjunto provisional. Este será composto por dois membros de cada “lado” que juntos, elegerão um quinto membro, que será neutro;

 

3. Foi este o conteúdo da proposta da ONU e da União Africana, que a Rússia apoia.