Líbia decide abandonar programa nuclear em troca de proteção dos EUA

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 24 de dezembro de 2003 as 09:06, por: cdb

Os Estados Unidos se comprometeram a proteger a Líbia de possíveis ameaças externas em troca da decisão de Trípoli de desmantelar as armas de destruição em massa, disse Saif al Islam, filho mais velho do dirigente líbio Muamar al Gadafi.

– Os EUA prometeram nos proteger, haverá uma cooperação bilateral nos campos militar e de segurança e exercícios militares conjuntos – afirmou Al Islam em declarações publicadas nesta quarta-feira, pelo jornal árabe internacional As-Sharq al Awsat, de propriedade saudita.

Informou que “responsáveis militares americanos visitarão a Líbia para informar-se das necessidades militares do país”.

A Líbia anunciou na sexta-feira que abandonará voluntariamente todos os programas de desenvolvimento de armas de destruição em massa e se mostrou disposta a assinar o Protocolo Adicional do Tratado de não-Proliferação Nuclear (TNP), um passo que foi amparado por EUA e Reino Unido.