Líbia aceita inspetores da ONU

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 21 de dezembro de 2003 as 15:50, por: cdb

A Líbia afirmou, neste domingo, às Nações Unidas que vai abrir suas usinas atômicas para inspeções surpresas, medida prevista no Tratado de Não-Proliferação de Armas Nucleares. A informação foi divulgada por um diplomata, que não quis se identificar.

Autoridades líbias disseram ao chefe da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) da ONU, Mohammed ElBaradei, que assinariam um tratado adicional. A proposta foi feita neste sábado em Viena, na Áustria, um dia após o país anunciar que daria fim ao programa de armas de destruição em massa.

– Os líbios confirmaram que querem assinar do Protocolo Adicional no encontro com ElBaradei – disse o diplomata, que vive em Viena.

A Líbia é signatário do tratado, mas só agora reconheceu que estava tentando criar, secretamente, uma bomba atômica.