LAMSA… CONTRATOS DE GAVETAS PODEM EXISTIR

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 21 de junho de 2011 as 20:01, por: cdb

Por Anonymus & Amordaçados 21/06/2011 às 22:04

São perguntas que gostaríamos fossem respondidas desde 1997 pelo MINISTÉRIO PUBLICO DO RIO DE JANEIRO, mas que de nada valeu as NOTICIAS CRIME interposta junto a instituição.

Mistérios que rondam os contratos com a concessionária LAMSA conforme relatório do então Vereador e Deputado Edson Santos-PT logo na abertura da CPI da Linha Amarela este foi meteoricamente elevado ao cargo de Ministro da Integração Racial cujo ministério teria sido criado especialmente em face do Ilustre parlamentar ora responsável pelo andamento desta CPI que acabou subitamente e inconclusiva. Se confirmarem as suspeitas, esses contratos podem ser nulos.
*
Sabemos que houve mudança de domínio das concessionárias que originalmente venceram as licitações; e que houve aditivos contratuais; e na modalidade do seguro.
*
Infelizmente não temos e não existe, nos casos de pedágio em AVENIDA, agencia reguladora responsável que tenha autonomia pra investigar e responder.
*
As informações levariam à nulidade dos contratos, acredito que o Carioca já poderia se considerar como credor LAMSA. Suspeita-se que o aditivo contratual com a concessionária foi ?contrato de gaveta? com o então Executivo Municipal Cesar Maia-DEM. Muito não foi publicado em Diário Oficial e, portanto, são nulos, conforme norma do direito público.
*
Se os contratos forem considerados nulos, abre-se caminho para o Município reencampar a Avenida Carlos Lacerda conhecida pelo falso vulgo de Auto-Estrada Linha Amarela.

Email:: anonymus@amordaçados.com
URL:: www.pedagio.org