Kofi Annan condena atentado de Najaf

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 29 de agosto de 2003 as 14:10, por: cdb

O secretário-geral da ONU, Kofi Annan, condenou nesta sexta-feira duramente, o atentado na cidade iraquiana de Najaf, no qual mais de 80 pessoas morreram, incluindo o aiatolá Mohamed Baqir al Hakim.

Em um comunicado, Annan mostrou sua consternação pelo incidente ocorrido logo após as preces da sexta-feira em um dos locais sagrados para a comunidade xiita.

— Todos os atos terroristas, qualquer que seja sua justificativa, são moralmente censuráveis e totalmente indesculpáveis — frisou.

Neste sentido, pediu aos grupos políticos e religiosos no Iraque que “façam o máximo esforço e se abstenham de realizar mais atos de violência e de vingança”. Kofi Annan reforçou sua crença de que apenas um processo político transparente pode liderar a paz e a estabilidade no Iraque.