Kleina lamenta saída do Palmeiras da Copa Sul-Americana

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 24 de outubro de 2012 as 11:21, por: cdb
Palmeiras
Kleina: “O Millonarios foi mais competente, competiu mais e encaixou o seu jogo"

A derrota por 3 a 0 para o Millonarios, na Colômbia, pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana, tirou o Palmeiras da competição internacional. Insatisfeito com o rendimento da equipe palmeirense no duelo com os colombianos, o técnico Gilson Kleina lamentou a eliminação precoce no torneio e alegou que o elenco palestrino não teve o tempo necessário para se preparar para o confronto em Bogotá.

– Fomos muito abaixo do esperado. Eu também estou sentido pela derrota, mas vamos fazer uma análise criteriosa. Não tivemos a preparação ideal para a Copa Sul-Americana, treinamos pouco na segunda-feira, temos jogadores machucados e outros que não estavam inscritos. Viemos jogar com uma equipe que até se poupou para estar bem hoje (terça-feira). Tomamos o segundo gol e entramos na pilha, perdemos a cabeça. Futebol não se compete dessa maneira – afirmou.

– O Millonarios foi mais competente, competiu mais e encaixou o seu jogo. Precisávamos de marcação mais forte nos meias e tínhamos jogadores mais leves. Optamos por uma situação que deu certo até o momento em que tomamos o gol – analisou o comandante alviverde, que explicou as alterações feitas após o intervalo da partida, quando Mazinho e Daniel Carvalho deram lugar a Luan e Obina, respectivamente.

– Posicionei um atacante a mais para segurar um deles na defesa, mas não foi o suficiente. Veio o pênalti e a equipe começou a perder um pouco a cabeça. Mesmo quando tomamos o terceiro gol, jogávamos por um gol. E falamos isso já na palestra: jogamos aqui por um gol. Mas tivemos uma ou duas chances criadas, e isso foi muito pouco. Eu não esperava um resultado tão elástico, eu esperava a classificação – completou.