Juventude e Fluminense se afastam da série B, Inter se beneficia

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 29 de novembro de 2003 as 20:36, por: cdb

Fluminense e Juventude ficaram mais distantes do fantasma do rebaixamento após vencerem suas partidas neste sábado, ao mesmo tempo em que ajudaram a equipe do Internacional a ficar mais próxima da Libertadores 2004.

Jogando no Maracanã e buscando fugir do rebaixamento a equipe do Fluminense partiu para cima do São Caetano, que enfatizava sua defesa na busca de somar pontos para conquistar uma vaga para a Libertadores do ano que vem.

Com isso, o tricolor carioca levava mais perigo à meta de Silvio Luiz com seus atacantes ficando algumas vezes frente a frente com o goleiro do São Caetano. A equipe do ABC paulista por sua vez, aproveitava o campo molhado e levava perigo à meta de Kleber com bolas paradas e chutes de longa distância.

Por volta dos 36 minutos do primeiro tempo, Romário perdeu excelente oportunidade ao chutar de dentro da pequena área mas parar na espetacular defesa de Silvio Luiz.

O atacante Marcelo também perdeu duas boas oportunidades ao tocar para fora na saída de Silvio Luiz.

No segundo tempo o time carioca seguiu mais ofensivo em busca da vitória. A recompensa veio aos 14 minutos quando Jadilson cruzou bola da esquerda, a defesa do São Caetano não conseguiu afastar e Marcelo aproveitou para abrir o placar.

O São Caetano então se viu na obrigação de sair para o jogo e, aos 30 minutos, Warley invadiu e bateu cruzado empatando a partida.

Mas os torcedores mal tiveram tempo de comemorar. Logo em seguida o árbitro assinalou pênalti em Marcel. Romário bateu no canto esquerdo e recolocou o Fluminense na frente.

No final da partida, Romário protagonizou ainda uma confusão com o zagueiro Serginho do São Caetano, que foi expulso.

O atacante justificou a confusão dizendo que Serginho não tem uma mentalidade vencedora e que, prova disso é que ele “já disputou três ou quatro finais e nunca ganhou nenhuma”.

Com a vitória o Fluminense respira na competição e soma 49 pontos na 19a posição. O São Caetano ficou com a quinta posição com 71 pontos.

Inter é beneficiado

O maior beneficiado nesta primeira parte da 44a rodada foi o Internacional de Porto Alegre, que venceu o Flamengo por 3 x 1 tirando vantagem dos maus resultados de seus concorrentes diretos na luta por uma vaga na Libertadores do ano que vem.

O Inter começou o jogo avassalador não dando chance para o Flamengo e, aos 18 minutos abriu o placar quando Diego tocou na saída de Julio César.

O Flamengo estava perdido em campo e com um chute colocado Jeferson Feijão ampliou aos 24. Ainda antes do intervalo, o paraguaio Gavilan bateu falta no ângulo e selou a vitória dos gaúchos.

Com a vitória o Inter chegou a quarta posição com 71 pontos.

O lateral Rafael descontou para o Flamengo aos 10 da segunda etapa.

Jogando em casa o Juventude se afastou do fantasma do rebaixamento ao vencer a equipe do Atlético Mineiro por 1 x 0 com um gol de Índio aos 33 minutos do segundo tempo. Com a vitória a equipe gaúcha chegou aos 50 pontos, sete à frente do Grêmio que é o penúltimo colocado.

Já a equipe de Minas Gerais permaneceu com 66 pontos, seis atrás do Coritiba que é o quinto colocado e que vai a Salvador enfrentar o Vitória no domingo.

Nos outros dois jogos deste sábado, o Vasco empatou em casa sem gols com o Figueirense e o Atlético Paranaense bateu o Guarani por 3 x 1 em Curitiba.

Adriano, duas vezes, e Jadson garantiram os três pontos para os donos da casa. Leandro Guerreiro descontou para o Guarani.