Juiz recebe ameaças no Rio Grande do Norte

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 29 de setembro de 2004 as 03:24, por: cdb

O juiz eleitoral de Baraúna (RN), Fábio Ataíde, e o chefe do cartório, Flussier Aurélio Vieira, vêm recebendo uma série de ameaças e intimidações. O juiz acredita que as ameaças são “terrorismo” para intimidar a Justiça Eleitoral.

Em depoimento tomado pela Justiça Eleitoral, o juiz ficou sabendo que um pistoleiro havia sido contratado para intimidar pessoas. O próprio chefe do cartório foi ameaçado por representante de uma coligação para não ir mais a Baraúna. Aurélio também recebeu ameaça de morte por telefone no dia 6 de setembro.

As informações que chegam à Justiça são de que algumas pessoas estão agindo desta forma para intimidar.

-As ameaças não são específicas a minha pessoa, mas à Justiça Eleitoral-ressalta o juiz.

Ataíde está andando escoltado. O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) aprovou a escolta para ele tendo em vista os problemas da cidade. Na última terça feira, o juiz esteve reunido com representantes das coligações onde ficaram acertadas questões para evitar que os ânimos se acirrem ainda mais. Na véspera da eleição não haverá passeata, nem carreata. Também está proibido já a partir desta sexta-feira o uso de fogos de artifício.