JP Morgan toma posição ‘levemente mais defensiva’ no Brasil

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 4 de dezembro de 2003 as 16:51, por: cdb

O Banco JP Morgan, em nota para clientes enviada nesta quinta-feira, reduziu a sua recomendação overweight (recomendação favorável acima da média da carteira) no Brasil, em seu portfólio modelo para emergentes, de 3% para 2%; e aumentou a recomendação para Equador de neutra para 1%.

O estrategista do JP Morgan, Graham Stock, ressaltou que, mesmo com essa mudança, o Brasil continua sendo o maior overweight no portfólio do banco. O JP Morgan afirma que reduziu a recomendação pois está tomando uma posição “levemente mais defensiva após a significativa alta” dos ativos brasileiros nos últimos dias.

Entretanto, o banco afirma que continua a ver espaço de valorização na dívida externa brasileira e por isso esses ativos continuam sendo seu principal overweight. Desde o início do ano, o C-Bond, principal título da dívida brasileira negociado no exterior, já subiu 47,17%.