José Dirceu na festa da revista Fórum

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 25 de setembro de 2011 as 07:24, por: cdb

Por Conceição Oliveira, no blog Maria Frô:Matéria não assinada do IG, na seção Partido atribui à Festa da Fórum a um “Encontro promovido por blogueiros”. Oi?Foi um evento de comemoração do aniversário de 10 anos da Revista Fórum, festa e debates promovidos pela Revista Fórum! Contou com a presença de José Dirceu por que o tema em debate era blogosfera e a política e José Dirceu é blogueiro há cinco anos e membro do PT. O debate contou com a presença dos jornalistas e blogueiros Luis Nassif, Luiz Carlos Azenha, Rodrigo Vianna, o jornalista, blogueiro e professor da ECA, Denis de Oliveira e o blogueiro Eduardo Guimarães.Se a matéria foi feita via rede, tinha uma enorme faixa sobre o sofá dos entrevistados, visível em todas as twitcams. Se foi feita in locu não entrevistaram Renato Rovai?Por hora não vou comentar os recortes das falas atribuídas ao José Dirceu, gravei quase na íntegra sua fala e posto no blog para que os leitores avaliem. Fiquem com o olhar do IG.*****Dirceu: “Regulação da mídia é a bandeira mais importante”IG – 24/09/2011 (às 21:40)O ex-ministro Zé Dirceu participou hoje de um encontro promovido por blogueiros, em São Paulo, e criticou a “mídia em geral” – segundo ele, alinhada à “direita brasileira”, que estaria trabalhando para pregar o rótulo de corrupto no ex-presidente Lula, com a condenação dos réus do mensalão, e de uma governante anti-corrupção em Dilma Rousseff, ao elogiar a faxina.Diante desse quadro, Dirceu afirmou;- A regulação [da mídia] talvez seja a bandeira mais importante que nós temos nos próximos anos além da reforma política.Para Dirceu, a resistência ao projeto elaborado pelo ex-ministro Franklin Martins parte de grupos que temem a concorrência, sobretudo com o capital estrangeiro.Presente ao evento, o líder do PT, deputado Paulo Teixeira (SP), garantiu que o ministro da Comunicação, Paulo Bernardo, enviará o projeto ao Congresso ainda este ano, como adiantou Poder Online.Aliás, Dirceu também respondeu à comparação feita pelo deputado Paulinho da Força (PDT-SP) de que ele é “uma espécie de Che Guevara brasileiro”:- Eu não sou o Che Guevara porque estou vivo. Não pelas minhas qualidades, mas estou vivo. Porque ele morreu pelas qualidades dele. Eu, pelos meus defeitos, estou vivo porque não consegui fazer a revolução que ele fez.