João Paulo tenta acordo entre base e oposição para votar MPs

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 3 de setembro de 2004 as 10:30, por: cdb

 O presidente da Câmara, João Paulo Cunha, se esforça na Câmara para tentar um acordo entre a base aliada e a oposição para votar 11 medidas provisórias e liberar a pauta. Ele assegurou que mantém bom diálogo com a oposição e está confiante.

– Vamos tentar convencer a oposição e a base governista de que várias MPs não são polêmicas e que podem ser votadas rapidamente – disse.

O deputado voltou a criticar o excesso de MPs. João Paulo informou que até o dia 15 de outubro estarão entrando na pauta de votações 19 medidas provisórias, entre elas a que dá status de ministro ao presidente do Banco Central, e que começa a trancar a pauta no dia 30 de setembro.

João Paulo negou que tenha defendido a edição de uma MP para a criação das Parcerias Público-Privadas. Mas lembrou que o pressuposto de uma MP é o caráter de urgência e relevância do tema.