Japonesa posa de maiô e é expulsa de escola

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 5 de junho de 2007 as 12:25, por: cdb

Uma japonesa de 18 anos vai processar sua escola, da qual foi expulsa por ter posado para um catálogo fotográfico em traje de banho, segundo informou nesta terça-feira o jornal Asahi Shimbun.

Maya Koizumi afirmou que só quer a anulação de sua expulsão do colégio particular para moças onde estudava, para poder terminar os meses de formação e começar o curso universitário de enfermagem.

O catálogo foi publicado no ano passado e o que incomodou a direção do colégio foi o título: “Estudante colegial”.

Em seguida, a direção do colégio disse que ela não cumpriu o regulamento e pediu à jovem que se retirasse voluntariamente. Como ela se recusou, foi expulsa definitivamente.

 “Nós avisamos os estudantes que eles seriam expulsos se entrassem em algum trabalho de modelo ou da indústria de entretenimento”, disse um diretor do colégio, não identificado, ao jornal japonês.

Koizumi enviou uma carta de arrependimento ao colégio e pediu para ser readmitida, já que queria concluir seus estudos com o resto de seus colegas. Mas a direção não aceitou a aluna de volta e ela optou por recorrer aos tribunais.

Na audiência anterior ao julgamento, a direção do colégio argumentou que a ação da jovem viola os regulamentos internos. Mas nenhum dos seus artigos proíbe expressamente trabalhar como modelo ou qualquer atividade semelhante, segundo o jornal.