Itamar rejeita embaixada na Itália

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 26 de abril de 2003 as 20:35, por: cdb

O ex-presidente brasileiro Itamar Franco (1992-1994) renunciou ao cargo de embaixador na Itália, para o qual tinha sido nomeado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, informaram, neste sábado, fontes diplomáticas.

Itamar comunicou sua decisão em uma carta endereçada ao ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim. O conteúdo da nota foi divulgado esta tarde pelo diplomata José Aparecido Oliveira, amigo do ex-presidente.

“Gostaria de pedir compreensão ao não aceitar essa grata e honrosa missão, mas aceitá-la suporia situações embaraçosas”, diz a carta divulgada à imprensa por Oliveira.

Fontes ligadas ao ex-presidente disseram pela manhã que ele se sentia “triste” e “ofendido” pelos parlamentares que se pronunciaram contra sua nomeação.

A sessão, na qual o Senado discutiu a nomeação de Itamar Franco, foi agitada e terminou com 29 votos a favor e 25 contra.

Itamar Franco, que entre 1998 e 2002 foi governador de Minas Gerais, seu estado natal, já foi embaixador em Portugal e depois na OEA – em ambos os casos, durante os primeiros anos do Governo de Fernando Henrique Cardoso, seu sucessor na presidência.