Ipem rejeita a metade dos produtos que integram cesta básica no Brasil

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 22 de outubro de 2001 as 18:25, por: cdb

O Instituto de Pesos e Medidas (Ipem-SP) analisou hoje 82 produtos que constituem a Cesta Básica no Estado de São Paulo. Destes, mais da metade (45) apresentou quantidade menor do que a embalagem especificava. Na capital, 12 dos 26 produtos analisados foram reprovados. No interior, 33 de 56.

Na cidade de São Paulo, os principais problemas forma encontrados no Café do Bule, embalagem de 500g, com em média 5,10g a menos; no feijão carioca Madrigal, pacote de um quilo, com 8,90g a menos na média; e no espaguete Buitoni de 500g, com média de quatro gramas a menos.

No interior, os produtos que apresentaram maiores diferenças entre o peso real e aquele especificado na embalagem foram o queijo parmesão Rivello de 50g, que apresentou em média 3,1g a menos; o biscoito maizena Santa Marta, embalagem de 200g, com 8,4g a menos na média; e biscoito de chocolate branco Bauducco, de 180g, que apresentou erro de 6,4g a menos na média.

Segundo o Ipem-SP, os responsáveis pelas irregularidades terão prazo de 15 dias para apresentar a defesa. Eles poderão ser punidos com multas de até R$ 2,4 mil, com valor dobrado na reincidência. A pesquisa é quinzenal e denúncias podem ser feitas pelo telefone 0800-13-0522, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.