INSS avalia contratação de servidores em Porto Alegre

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 5 de novembro de 2003 as 15:19, por: cdb

O diretor-presidente do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), Taiti Inenami, disse nesta quarta-feira que o ministério do Planejamento está avaliando a contratação de novos servidores, o que deve ocorrer no primeiro semestre de 2004. Ele reuniu-se hoje em Porto Alegre com os diretores do Instituto no Rio Grande do Sul para discutir, com os nove gerentes nomeados no fim de outubro, as diretrizes para o próximo ano. Segundo o diretor, a demora no atendimento aos segurados, por causa da falta de pessoal, ainda é o maior problema enfrentado nas agências do INSS.

Somente no Rio Grande do Sul, o instituto dispensou, em junho, 81 funcionários terceirizados, e nomeou apenas 37 concursados. A maioria dos terceirizados trabalhava atendendo a população nos postos. Segundo o superintendente do órgão no Estado, Delmar Eich, também há muitos funcionários com processo de aposentadoria encaminhados. Ele disse que o tempo de espera dos segurados gaúchos para receber benefícios é de quatro horas, em média, nos postos da capital. Nos setores de arrecadação, o tempo é de duas horas e meia.