Inflação de julho passa de 1,5 por cento e é a maior do ano em São Paulo

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 3 de agosto de 2001 as 13:54, por: cdb

O Índice de Preços ao Consumidor do Município de São Paulo, calculado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas da USP (Fipe), registrou uma inflação de 1,21% no mês de julho, frente o avanço de 0,85% verificado em junho. O grupo que registrou a maior variação positiva em julho foi Transportes (1,84%). Veja agora a variação de cada grupo:

Habitação – 1,79%
Alimentação – 0,79%
Transportes – 1,84%
Despesas Pessoais – 0,89%
Saúde – 0,29%
Vestuário – 0,15%
Educação – 0,46%

A taxa mostra que os preços estão em trajetória de alta contínua. A inflação foi de 0,69% na primeira quadrissemana do mês, de 0,76% na segunda, e de 0,88% na terceira.

Em maio, a inflação foi de 0,17%, em abril, de 0,61%, em março, de 0,51%, em fevereiro, de 0,11%, e em janeiro, de 0,38%.

A alta de 1,21% em julho foi, mais uma vez, puxada pelos preços do grupo transportes, que subiram 1,84%.

O mesmo grupo liderou as altas nas três quadrissemanas anteriores do mês (2,82%, 1,92% e 1,21%) e durante o mês de junho (4,24%), refletindo o aumento das passagens dos ônibus urbanos, de R$ 1,15 para R$ 1,40.

A Fipe prevê que a inflação deverá fechar este ano em 5,5%. Em 2000, o IPC ficou em 4,38%.

* O resultado da 1ª quadrissemana de agosto sai na próxima
sexta-feira, dia 10/08/2001.