Indústria naval fluminense recebe encomenda de grande porte

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 12 de maio de 2003 as 13:29, por: cdb

A Indústria naval brasileira recebeu mais uma encomenda de grande porte. O grupo armador dinamarquês Maersk Brasil (Brasmar) assina na próxima quarta-feira com o Estaleiro BrasFels (antigo Verolme), em Angra dos Reis, contrato para a construção de duas embarcações de apoio a plataformas de petróleo (Platform Supply Vessel – PSV), com opção para construir mais dois navios do mesmo gênero. A encomenda é a primeira deste porte a ser feita no País. Os valores do contrato não foram divulgados.

Apenas para se ter uma idéia, as embarcações PSV que vêm sendo feitas nos estaleiros nacionais, a um custo médio de US$ 16 milhões são bem menores: aproximadamente 20 metros ante os 89 metros de comprimento da nova encomenda. A estimativa da Secretaria de Energia, Indústria Naval e Petróleo é de que a obra vai gerar cerca de 500 empregos diretos. Estarão presentes na assinatura do contrato o secretário Wagner Victer, o presidente internacional do Estaleiro BrasFels, Tay Kim Hock, e o diretor da Maersk Brasil, Viggo Andersen, além de demais autoridades do setor.

O secretário Wagner Victer, destacou que a construção destas quatro embarcações em estaleiro fluminense foi viabilizada pelo programa de incentivos à indústria naval e offshore desenvolvido pelo Governo do Estado, em parceria com a Petrobras em seu programa de substituição de barcos de apoio offshore, desenvolvida desde 1999. Além disso, Victer lembrou que esta nova encomenda “coroa definitivamente a revitalização do Estaleiro Verolme, reaberto no início de 2001”.

– Na época haviam apenas seis trabalhadores que atuavam no estaleiro, agora já são cerca de três mil postos de trabalho – destacou Victer.