Indústria naval do Estado lança mais um navio ao mar

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 16 de setembro de 2004 as 11:40, por: cdb

Como mais uma prova do processo de revitalização do setor naval, empreendido pelo governo do Estado, desde a administração Garotinho,o Estaleiro Ilha S/A (Eisa), da Ilha do Governador, lançou ao mar, nesta quinta-feira, a embarcação UP Água Maarinha. O navio foi construído pelo grupo argentino UP Offshore Apoio Marítimo com recursos próprios, sem ajuda de financiamentos federais, via BNDES. Esteve presente no evento o secretário de Energia, Indústria Naval e Petróleo, Wagner Victer, que foi realizado na Praia da Rosa, 2, Ilha do Governador.

Segundo o secretário, o grupo argentino construirá mais três embarcações iguais a que está sendo lançada ao mar que gerou cerca de 400 empregos diretos. O custo de construção dos quatro navios é de cerca de US$ 63 milhões.

As embarcações são do tipo Plataform Supply Vessel (PSV) Vs 4408 e especializadas no apoio a plataformas de petróleo, abastecendo-as de água, fluidos de perfuração, granéis e uma série de outros equipamentos e produtos necessários para a manutenção da vida em alto-mar e para a operação das plataformas.

Cada embarcação tem quatro mil toneladas de porte bruto; 16,6 metros de boca; pontal de 7,8 metros; 6,5 metros de calado; comprimento 84,6 metros; motor principal com capacidade de 2x 2550 Kw/ 720 rpm.

Além do secretário Wagner Victer estarão presentes o presidente do Eisa, Manoel Ribeiro, o presidente da UP Offshore, Mariano Marcondez Ferraz, e o diretor-executivo da UP Offshore, Marcelo Helman, entre outras autoridades e executivos do setor.