Índice de Preços no Varejo cai em agosto

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 2 de setembro de 2004 as 16:41, por: cdb

A Federação do Comércio do Estado de São Paulo (Fecomercio), divulgou o Índice de Preços no Varejo (IPV), que registrou, em agosto, 0,73%, o menor desde abril deste ano, quando houve deflação de 0,27%. No mês de julho o índice apresentou alta de 0,86%.

Este índice deve-se a desaceleração do grupo de Não-Duráveis, que caiu de 1,27% em julho para 0,31% em agosto, o que ocasionou maior influência para o IPV menor no mês passado, segundo a Fecomercio.

Na avaliação da assessoria econômica, isto se deve principalmente ao segmento de alimentos, que passa por um processo de saída da entressafra e deve pressionar os preços para baixo daqui para a frente. No mês passado, os produtos alimentícios subiram 0,50%, contra 1,54% em julho.

A queda de 4,14% no preço dos produtos de higiene também puxou para baixo o índice do grupo. Fazem ainda parte deste grupo: produtos de limpeza doméstica (-0,88%) e produtos farmacêuticos (1,40%).

O grupo de semiduráveis foi o único a mostrar resultados negativos em agosto: passou de uma alta de 0,94% em julho para queda de 0,24% no mês passado, contribuindo para a trajetória de baixa do IPV. O segmento de vestuário, com queda de 2,72%, ajudou o índice a recuar, principalmente devido às liquidações de inverno. Já calçados apresentou alta de 3,79% no mês.