Índice de Confiança da Indústria fica praticamente estável em fevereiro

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012 as 06:55, por: cdb

Flávia Albuquerque
Repórter da Agência Brasil

São Paulo – O Índice de Confiança da Indústria (ICI), medido pelo Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) da Fundação Getulio Vargas (FGV) passou de 102,3 pontos em janeiro para 102,5 pontos em fevereiro. De acordo com a pesquisa, o índice registra o sétimo mês consecutivo abaixo da média histórica desde 2003 (103,8 pontos).

O Índice da Situação Atual (ISA), que aumentou pelo terceiro mês seguido, registrou alta de 0,6%, ao passar para 103,6 pontos. O Índice de Expectativas (IE) caiu 0,4%, para 101,3 pontos, depois de elevações em quatro meses seguidos.

O percentual de empresas que dizem ter estoques em excesso baixou de 8% em dezembro, para 5,1 % em janeiro e 4,3 % em fevereiro.

A pesquisa indica ainda que os empresários industriais estão menos otimistas para o meses seguintes no que se refere à produção. Das 1.142 empresas consultadas, 36,7% preveem aumentar a produção no trimestre de fevereiro a abril e 12,6% pretendem reduzi-la. Em janeiro, esses percentuais haviam sido de 33% e 5,7%, respectivamente, para os três meses seguintes.

O Nível de Utilização da Capacidade Instalada (Nuci) ficou estável em 83,7% em fevereiro. O patamar supera a média registrada desde 2003 (83,3%), mas é ainda inferior à dos últimos cinco anos (83,8%).

Edição: Juliana Andrade