IBGE completa 75 anos anunciando inovações no sistema de estatística do país

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 30 de maio de 2011 as 12:40, por: cdb

Flávia Villela
Repórter da Agência Brasil

Rio de Janeiro – Principal provedor de dados e informações do país e responsável pelo Censo Demográfico da população brasileira, O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) completou hoje (29) 75 anos de sua fundação, anunciando inovações e mudanças. O primeiro desafio será renovar, qualificar e ampliar o quadro dos mais de 7 mil servidores em todo o país.

Uma das novidades é a criação do Sistema Integrado de Pesquisas Domiciliares que será implementado com a realização da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua), em 2013, que substituirá a Pnad anual e a Pesquisa Mensal de Emprego (PME), hoje restrita a seis regiões metropolitanas, que terá seu alcance ampliado.

Com isso, segundo o IBGE, haverá uma produção sistemática de dados nacionais que antes só eram apurados anualmente ou com maior periodicidade.

Para os próximos anos, o órgão pretende criar uma base de dados única de produção das estatísticas econômicas básicas e um sistema único de contato com o informante, integrando a produção de estatísticas econômicas com o Sistema de Contas Nacionais. Outra novidade é a criação de Índices de Preços ao Consumidor para cada estado e o Distrito Federal.

No âmbito acadêmico, a Escola Nacional de Ciências Estatísticas (Ence), que pertence ao IBGE, planeja criar um mestrado profissional em análise ambiental e gestão do território, além de implementar cursos com ensino à distância, para atender o quadro técnico da própria instituição e de estudantes de graduação e pós-graduação.

 

Edição: Aécio Amado