Homenagens marcam o Dia da Mulher no SAAE

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 8 de março de 2012 as 16:12, por: cdb

As mulheres do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) se reuniram nesta quinta-feira (8) para uma manhã de homenagens em comemoração ao Dia Internacional da Mulher. Ao som da Banda do 6º Batalhão da Polícia Militar, as funcionárias da autarquia e demais convidadas do evento foram aclamadas por sua sensibilidade, mas também pelos vários papéis assumidos na sociedade atual.

Durante o encontro, a prefeita Elisa Costa, a Major Lirliê Aparecida de Souza, e a secretária de educação, Dalva Mendes Marcos Rabelo, foram homenageadas com um diploma de reconhecimento oferecido pelo SAAE.

A prefeita Elisa Costa parabenizou a todas pelo dia e enfatizou o papel das mulheres no serviço público. “Nós mulheres, quando assumimos uma função pública, adquirimos grandes responsabilidades. A sociedade passa a exigir mais dedicação e cuidado na hora de fazer. Hoje, podemos afirmar que mais de 80% de nossos servidores são mulheres, de um total de nove mil funcionários, incluindo o SAAE, e elas estão principalmente na assistência social, na saúde e educação”.

A prefeita destacou ainda os avanços das políticas públicas voltadas para as mulheres. “As mulheres agora podem contar com licença maternidade de seis meses. Outra conquista é a Escola em Tempo Integral, que vem possibilitando que mulheres possam trabalhar fora de casa. Além disso, a maioria nos núcleos de família tem como chefe as mulheres. Outro dado importante é que 93% dos chefes de família que recebem Bolsa Família são mulheres. Estamos conseguindo diminuir os índices de mortalidade infantil e contamos ainda com a rede cegonha, o que valoriza ainda mais as nossas mães. Estamos ainda lutando contra a violência, com grandes avanços na Lei Maria da Penha. Nosso papel não é fácil, por isso, parabéns pela luta”, disse.

Convidada a participar do encontro, a Major Lirliê Aparecida de Souza rememorou a origem das comemorações, que remetem às conquistas e lutas das mulheres nos mais variados campos, como o político, o social e o econômico. Destacou ainda o papel da mulher no pós-guerra, assumindo espaços no mercado, sem se abster das funções do lar e, como policial militar, a major fez questão de destacar os 30 anos da presença feminina na corporação. “No início, o ambiente era predominantemente masculino, as mulheres só executavam determinados tipos de policiamento e havia restrições até mesmo de comunicação entre homens e mulheres. Passados 30 anos, as mulheres conquistaram o seu espaço na Polícia Militar e, hoje, estão presentes em todos os postos e graduações da corporação. Mas, infelizmente, as mulheres ainda não possuem papéis e salários igualitários aos homens, apesar da ascensão das mulheres na carreira profissional”, destacou a major.

A escritora, filósofa e feminista francesa Simone de Beauvoir já afirmava em seus ensaios críticos que a mulher vem diminuindo a distância que a separava do homem e garantindo uma independência concreta pelo trabalho. Parafraseando a escritora, a major enfatizou as conquistas da mulher no âmbito profissional, mas ressaltou que, apesar dos novos papéis, as mulheres não abandonaram os que já assumiam na sociedade. “As mulheres são responsáveis pela educação dos filhos, devem educar para o bem, para o respeito e tolerância, mas devem também aprender a conjugar e harmonizar o trabalho, o cuidado com a família e a busca por Deus”, disse.

Ao final da comemoração, em meio às 126 funcionárias do SAAE, Acione Brandão foi eleita a mulher do SAAE. A auxiliar administrativa, de 59 anos, já trabalha há 20 na autarquia e foi reconhecida pelo seu papel como mulher, mãe e funcionária.