Homem desempregado espanca a filha de 8 anos na Bahia

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 8 de setembro de 2003 as 02:44, por: cdb

Acusado de espancar a própria filha, R.C.O.S, 8 anos, com socos e um cabo de vassoura, o desempregado Antônio Bezerra, 53, foi preso em flagrante por agentes da Delegacia de Repressão a Crimes contra Crianças e Adolescentes (Derca), em sua casa, no subúrbio do Lobato, na Bahia, no último domingo de madrugada.
 
Sem condições de andar e com vários hematomas, inclusive com suspeita de fratura no rosto, a menina foi levada por vizinhos para o Hospital Geral do Estado (HGE). A delegada Simone Malaquias lavrou o auto de prisão em flagrante por crime de agressão e maus-tratos.

O casal Ildete Lino e Tupinambá, vizinhos do acusado, foi quem socorreu R.C.O.S, de madrugada, para o HGE, depois de ouvir gritos de socorro e verem a criança caída ao chão da casa, na Rua Voluntários da Pátria, 423, Lobato, onde reside com os pais e o irmão caçula.
 
– O alvo das pancadas é ela, mas nós não sabemos dizer por quê. Presenciamos as agressões a R.C.O.S e dessa vez não pudemos ficar omissos, tivemos que tirá-la do local para que não morresse de tanto apanhar – disse Tupinambá, acrescentando que a mãe da criança, que se encontrava na casa, ficou contrariada por terem levado a garota para o hospital sem seu consentimento.

Com um grande inchaço no olho esquerdo e o rosto marcado por hematomas, estando ainda impossibilitada de caminhar, R. foi conduzida pelos vizinhos,  domingo de manhã, numa ambulância do HGE, para ser submetida a raios-x no Departamento de Perícia do Instituto Médico-Legal Nina Rodrigues, por haver suspeitas de fratura na face.