Hamilton faz a pole position e Rubinho larga em 5° na Itália

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 12 de setembro de 2009 as 15:13, por: cdb

Foi só no último instante que o atual campeão da Fórmula 1, Lewis Hamilton, tirou a pole position do Grande Prêmio da Itália do piloto Adrian Sutil no sábado.

– Foi um treino muito disputado e estou muito feliz de ver Adrian largando na primeira fila – disse o britânico sobre seu amigo e ex-companheiro de equipe na Fórmula 3.

– Não prevíamos ser tão rápidos quanto estamos esta semana, então é um bônus para toda a equipe – completou.

A pole é a segunda de Hamilton na temporada, a segunda em três provas e a 15 em 48 largadas.
Kimi Raikkonen, da Ferrari, larga na terceira posição na corrida de domingo, com a McLaren de seu compatriota Heikki Kovalainen ao lado. Ao contrário de Sutil, ambos terão a vantagem de um impulso extra do sistema KERS de recuperação de energia.

Líder do campeonato, Jenson Button larga em sexto, e seu companheiro de equipe e principal rival na briga pelo título da temporada, Rubens Barrichello, sai na quinta posição.

– O carro está bom e isso é importante. Não se trata só do grid, e sim da corrida – disse Button, que foi o mais rápido da segunda bateria nos treinos livres.

Button está 16 pontos à frente de Barrichello faltando cinco provas para o final do campeonato.
As Red Bulls do alemão Sebastian Vettel e do australiano Mark Webber, respectivamente terceiro e quarto colocados do campeonato, se classificaram em nono e décimo no grid de largada.

Veloz

O alemão Sutil obteve sua melhor posição até hoje no grid, e sua escuderia Force India, que melhora a olhos vistos, conseguiu pela primeira vez levar seus dois carros até a última bateria dos treinos classificatórios.

O italiano Vitantonio Liuzzi, que substitui Giancarlo Fisichella na equipe, se classificou em sétimo em sua primeira corrida desde que pilotou na Toro Rosso em 2007.

– Este é um grande momento e um grande dia para mim – disse Sutil.

– O carro é espetacular, realmente veloz, inacreditável. Isso é ótimo para a equipe depois do sucesso em Spa (Francorchamps). Estamos levando isso adiante aqui – disse.

Fisichella, que deu à Force India uma surpreendente pole position na Bélgica no mês passado e terminou em segundo, dando ao time seus primeiros pontos, vai largar na 14a posição depois de ter batido sua Ferrari, na qual substitui o brasileiro Felipe Massa.

A BMW-Sauber sofreu um revés: tanto o alemão Nick Heidfeld quanto o polonês Robert Kubica se retiraram na segunda bateria dos treinos com problemas de motor.