Hamas reinvidica autoria de atentados em Israel

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 19 de maio de 2003 as 09:44, por: cdb

O braço armado do movimento da resistência islâmica Hamas reivindicou, em um comunicado difundido em Gaza nesta segunda-feira, três atentados que provocaram sábado e domingo um total de 12 mortos, em Hebron, na Cisjordânia, e em Jerusalém.

– Vamos queimar a terra sob os pés dos ocupantes sionistas – advertiu o braço armado do movimento radical, as Brigadas Al-Qassam, que promete continuar com os ataques.

– Estas operações gloriosas são a resposta ao assassinato de Ibrahim Al-Makadmeh – ressalta o comunicado, referindo-se ao chefe do serviço de segurança do Hamas, morto com três dos seus guarda-costas dia 08 de março pelo exército israelense, durante um ataque de helicópteros em Gaza.

O comunicado informa que os três suicidas, todos originários de Hebron, são Fouad Kawasmi, 21 anos, morto sábado num atentado em Hebron em que morreram dois israelenses, Bassem al- Takrouri, 19 anos, morto domingo num ataque que provocou a morte de sete passageiros de um ônibus em Jerusalém, e Moujahid al- Jaabari, que deflagrou uma bomba pouco após um posto de controle israelense.