Habeas corpus do STJ liberta prefeito e primeira-dama de Taubaté

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 24 de junho de 2011 as 14:29, por: cdb

Bruno Bocchini
Repórter da Agência Brasil

São Paulo – O Superior Tribunal de Justiça (STJ) concedeu, em decisão liminar, habeas corpus ao prefeito de Taubaté (SP), Roberto Peixoto, e a primeira-dama Luciana Peixoto. O casal foi preso na última terça-feira (21) durante a Operação Urupês, deflagrada pela Polícia Federal e pelo Ministério Público Federal (MPF) em São Paulo.

O casal, que deveria cumprir prisão temporária até o próximo domingo (26), é suspeito de envolvimento na fraude de licitações referentes à compra, gerenciamento e distribuição de medicamentos e merenda escolar no município, localizado no Vale do Paraíba.

As investigações que resultaram na Operação Urupês começaram em 2009, quando houve denúncia de desvio de recursos financeiros repassados pela União.

 

Edição: Aécio Amado