Guatemala realiza conferência sobre fracasso do neoliberalismo

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 31 de maio de 2011 as 09:05, por: cdb

A 3ª Conferência Internacional “América Latina Rompendo com o Neoliberalismo”, para a consolidação de um novo modelo, começa nesta terça (31) na Guatemala, com uma intervenção do presidente da Guatemala, Álvaro Colom.O Palácio Nacional da Cultura, sede do governo, foi o local escolhido para o ato político de abertura, no qual também falará o dirigente político mexicano Cuauhtémoc Cárdenas, presidente de honra da Conferência.

Colom se pronunciou anteriormente sobre a corrente neoliberal, da qual afirmou que fracassou.

Esse encontro é promovido por diversas organizações, tais como a Faculdade Latino-americana de Ciências Sociais da Guatemala, a Escola de Ciências Políticas da Universidade de San Carlos e a Secretaria da Paz da Presidência da República.

Segundo o programa divulgado à imprensa, as atividades se realizarão na quarta-feira num hotel da capital, onde terão lugar os debates em painéis, o primeiro dos quais tratará o tema “Rumo a um novo modelo econômico: conquistas e desafios”.

“Uruguai: Estado, Desenvolvimento e Justiça Social”, será a intervenção de um representante da Frente Ampla desse país sul-americano, Jorge Bruni, que será seguido por um delegado guatemalteco, escalado para falar sobre o desenvolvimento rural integral.
O Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento será representado por um economista de seus quadros, que discorrerá sobre o tema “Estado e desenvolvimento na Guatemala: Desafios econômicos e sociais”.

Igualmente, o mexicano Juan Carlos Moreno, da Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe, falará acerca de uma visão de conjunto para o subcontinente depois da crise.

Haverá palestras também sobre a construção de um projeto nacional plural e o povo maia e suas demandas, o empresariado nacional, o diálogo nacional e a juventude.