Grupos armados cometem novos massacres na Siria

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 4 de abril de 2012 as 12:39, por: cdb

Os grupos armados na Síria cometeram outros massacres, agora no povoado de Dir Baalba, província de Homs (centro), matando pessoas que tinham sido sequestradas. É o que reportam nesta quarta (4) ps veículos de comunicação locais.

As autoridades em Homs, a 162 quilômetros de Damasco, encontraram em uma granja avícola na área de Dir Baalba um número desconhecido de pessoas assassinadas a sangue frio. Além disso, encontraram em uma outra casa da área os corpos de quatro mulheres que mataram brutalmente.

Estes eventos ocorreram após, no domingo, os autodemoninados Amigos da Síria, liderados pelos EUA, Arábia Saudita, Catar, França e Grã-Bretanha, reunidos em Istambul, Turquia, reiteraram o seu chamado a armar, equipar e financiar esses grupos.

Os massacres ocorreram enquanto, na segunda-feira, o Conselho de Segurança da ONU ouvia o primeiro relatório do seu enviado especial, Kofi Annan, sobre suas gestões para uma solução política para a crise na Síria, e era então conhecida a disposição do governo de Damasco de deter as ações militares para facilitar um cessar fogo a partir de 10 de abril.

Residentes de Dir Baalba informaram que grupos armados aterrorizaram o pequeno povoado e os forçaram a fugir, sabotado propriedade pública e privada, incluindo o complexo de edifícios da Faculdade de Engenharia Petroquímica, afiliada à Universidade al-Baath, de Homs.

A agência de notícias Sana informou que as forças de segurança prenderam indivíduos que cometeram delitos e crimes contra os cidadãos e lhes confiscaram grandes quantidades de armas e equipamentos médicos roubados.

De Homs também é relatado que uma patrulha policial foi emboscada entre as cidades de Khan Sheikhoun e Marrat al-Numan. Os policiais revidaram os disparos e eliminaram um dos atacantes e submeteram outros dois.

Enquanto isso, em Idleb (noroeste) a cerca de 335 quilômetros da capital, as forças sírias enfrentaram em Taftanaz um grupo terrorista. Durante a ação morreram vários terroristas,outros foram detidos e lhes consicaram as armas que possuíam. Três agentes de segurança sírios morreram na operação.

Fonte: Prensa Latina

 

..