Governo tem primeira derrota no Congresso

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 12 de março de 2003 as 19:47, por: cdb

O governo teve a sua primeira derrota no Congresso Nacional. A votação da Medida Provisória número 77, que trata da negociação de dívidas agrícolas, foi adiada para amanhã, atendendo pedido do PFL e tendo apoio do PSDB e PMDB.

A ação conjunta destes três partidos significou o adiamento da reunião do Conselho de Ética do Senado, que votaria nesta quinta-feira a abertura do processo de investigação de supostos envolvimentos do senador Antonio Carlos Magalhães (PFL-BA) em grampos irregulares na Bahia.

Apesar da improvável reunião do Conselho, que precisa ser aprovada no plenário depois da MP 77, a senadora Heloísa Helena fez duras críticas ao Congresso. “Se o conselho não se reunir amanhã, ficará clara a manobra vergonhosa na Casa”.

O PMDB aproveitou a derrota para deixar clara a importância do partido na composição do governo no Congresso. A MP da dívida agrícola foi lida em plenário, o que obriga os senadores a votar o projeto em, no máximo, 24 horas.