Governo iraquiano convida chefes dos inspetores da ONU a visitarem Bagdá

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 15 de março de 2003 as 20:03, por: cdb

O governo iraquiano convidou o chefe de inspetores de armas da ONU, Hans Blix, e o diretor da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA), Mohamed El Baradei, a visitarem o Iraque.

O convite teria sido feito por meio de uma carta assinada pelo general Amer al-Saadi, o principal representante do governo de Saddam Hussein em temas ligados ao desarmamento.

Segundo o Iraque, o convite é uma forma de intensificar a cooperação do país com a ONU no que diz respeito ao processo de desarmamento.

Blix e El Baradei visitaram Bagdá duas vezes desde que a ONU retomou a inspeção de armamentos em novembro do ano passado, após ter interrompido o processo por quatro anos.

“Progressos”

O Ministério das Relações Exteriores iraquiano informou que o general al-Saadi quer que os dois inspetores venham ao Iraque discutir “meios de acelerar a cooperação em todos os setores e especialmente em facilitar a verificação de temas que Blix e El Baradei considerem vitais”.

A carta endereçada aos dois inspetores diz que o Iraque tem feito progressos consideráveis em atender às determinações do mais recente documento divulgado pelos inspetores da ONU, no último dia 6 de março.

Melissa Fleming, uma porta-voz do inspetor Mohamed El Baradei, disse que ele não havia tomado conhecimento do convite iraquiano.

“Precisamos ver o convite informal e saber do que se trata para darmos uma resposta”, afirmou Fleming.

O representante de Hans Blix também disse que ele só fará comentários quando receber o convite, o que ainda não teria acontecido.

Acredita-se que os inspetores irão consultar o Conselho de Segurança da ONU na segunda-feira, antes de responderem ao convite.