Governo consegue manter cobrança de inativos e fim da paridade na Previdência

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 18 de novembro de 2003 as 21:46, por: cdb

A base governista obteve importantes vitórias na votação das emendas à reforma da Previdência, que ocorre nesta noite na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ).

Foi derrotada emenda supressiva do senador Antero Paes de Barros (PSDB-MT) que retirava do texto a cobrança da contribuição previdenciária dos servidores inativos.

Outro ponto importante foi a manutenção do texto aprovado na Câmara, no que diz respeito à paridade entre os vencimentos dos servidores ativos e inativos.