General iraquiano debate com oficiais futuro do novo Exército

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 19 de abril de 2003 as 13:14, por: cdb

O general Yaudat Al Aubedi, vice-presidente do Comitê de Organização Civil de Bagdá, presidiu neste sábado, uma reunião com oficiais do Exército iraquiano, para tratar da situação desse corpo de Defesa depois da queda do regime de Saddam Hussein.

Os participantes discutiram sobre como proceder a reorganização das Forças Armadas iraquianas, praticamente desarticuladas depois da queda do regime na semana passada, segundo o canal de televisão catariano Al Jazira.

A reunião foi organizada pelo grupo de oposição Comitê de Oficiais Livres e nela Aubedi garantiu que o novo Exército será menos numeroso que o da época de Saddam Hussein e mais moderno, detalhou a emissora.

Também ficou acertado formar uma comissão que preparará uma lista de militares presos ou expulsos do corpo por motivos políticos durante o regime, com o fim de buscar soluções para seus problemas.

Aubedi disse que o Comitê Executivo de Bagdá havia decidido não permitir que voltem ao Exército os oficiais que participaram de execuções de militares que rejeitaram participar de anteriores conflitos, como o entre o Iraque e o Irã (1980-1988) e a Guerra do Golfo (1991).

O general se reuniu também com líderes de várias tribos iraquianas, aos quais disse que não serão feitas acusações contra qualquer responsável do regime anterior sem ter provas claras de que tenha cometido crimes contra a população.